Tecnologia na construção civil: a transformação digital

Mesmo em seu conceito mais básico, a tecnologia enquanto conjunto de conhecimentos que visa o desenvolvimento da sociedade proporciona benefícios gigantescos. Quando pensamos em transformação digital, qualquer dúvida restante cai definitivamente por terra. E não é diferente quando pensamos em tecnologia na construção civil.

Aliás, a construção civil é um dos campos mais férteis para o desenvolvimento tecnológico justamente por ser um dos setores mais atrasados. Para alcançar os setores com bons índices de produtividade é preciso investir em tecnologia na construção civil.

Mas antes da adoção de tecnologia na construção civil, temos que determinar qual tipo de evolução almejamos. Ou seja, se buscamos por industrialização ou se apenas vamos desenvolver maneiras de executar mais rapidamente processos tradicionais.

Contexto da evolução tecnológica digital

Para qualquer atividade, a evolução tecnológica visa aprimorar processos. O elemento digital proporciona mais precisão no registro e mais velocidade no processamento de informaçõesA evolução tecnológica se beneficia diretamente da evolução dos processadores e do aumento da capacidade de armazenamento. Juntos e associados à melhora no acesso à internet e à transmissão de dados esses avanços têm promovido a transformação digital atual.

Uma vez que a informação está disponível a partir de qualquer lugar, alguns velhos conceitos perdem sentido. É o caso, por exemplo, do conceito de propriedade. Atualmente, cada vez menos as pessoas querem ser proprietárias de bens. Tem ganhado cada vez mais valor, em contrapartida, a experiência. É o que se chama de economia do acesso.

Este é um conceito muito bem ilustrado pelo sucesso de empresas como Uber, Netflix e Airbnb. Além de nenhuma dessas empresas ser dona dos serviços que comercializa, proporcionam que milhares de pessoas usufruam de bens, serviços e experiências sem precisar comprar nada. São empresas de base tecnológica que simplesmente proporcionam acesso por meio da conexão entre pessoas com interesses complementares. Ou seja, conciliando oferta e demanda por meio da economia compartilhada.

Evidentemente, tais conceitos não impactam somente a vida das pessoas. As formas de atuação e organização das empresas também têm sofrido mudanças profundas. Exemplo disso é a disseminação do modelo SaaS (Software as a Service).

Assim como uma pessoa física, uma empresa não quer desembolsar altas quantias de dinheiro para adquirir um software. O que ela precisa é do serviço proporcionado pelo software em questão. Logo, faz mais sentido pagar apenas pela licença de uso do sistema.

E é claro que esses conceitos atingem em cheio o setor construtivo. Cada vez há mais iniciativas de empresas de base tecnológica que enxergam e apostam no potencial da tecnologia na construção civil.

tecnologia-na-construcao-civil

Evolução da tecnologia na construção civil

Atualmente, é muito comum falar de inovação tecnológica na construção civil.

É por meio da tecnologia na construção civil que é possível, por exemplo, explorar ao máximo o potencial da lean construction. Esta, em resumo, é a concentração de esforços por parte das construtoras naquilo que elas sabem fazer melhor: construir. Todo o resto pode ser terceirizado para empresas que tenham mais autoridade para executar as demais tarefas sejam elas quais forem.

É a expressão máxima do que se chama de indústria 4.0. Ou seja, a completa descentralização dos processos com completa integração digital entre eles.

As construtoras já têm terceirizado o desenvolvimento de projetos há muito tempo. E até mesmo a execução é repassada a empreiteiros sob a gestão do time de engenheiros interno. Com o advento e crescimento da IoT (Internet das Coisas), muito mais está por vir, com controle automatizado de processos em canteiro.

Agora, processos administrativos e de orçamentação têm sido alocados em prestadores externos. Os motivos são similares aos da terceirização de mão de obra ou de departamentos de marketing, por exemplo. Ou seja, custos menores e profissionais especializados. Logo, processos mais eficientes que proporcionam segurança e maior margem de lucro.

Assim surgem iniciativas como o Coteaqui, canal de cotações com fábricas, distribuidores e armazéns de material de construção.

tec-02

Soluções tecnológicas para a construção

Os benefícios da tecnologia na construção civil representam uma realidade inquestionável. Há milhares de iniciativas de startups, as chamadas construtechs dedicadas a melhorar cada um dos processos de cada um dos aspectos da construção.

Clique aqui para acessar o mapa com 250 startups brasileiras dos setores de construção e imobiliário.

mapa construtechs

No caso do Coteaqui, o foco é a cotação de materiais de construção civil. A startup é uma fonte de preços e condições comerciais praticadas por fornecedores de todo o País.

Assim, caso a construtora vá comprar algo, consegue obter em um único local todas as informações referentes ao material e ao fornecedor em forma de propostas comerciais em mapa comparativo. O comprador pode então negociar as condições e fechar o melhor negócio.

Dentro do portal, os usuários também encontram o Coteaqui Mercado que permite a consulta de preços mesmo para materiais que não serão comprados. Ou seja, que servem apenas para compor orçamentos.

O serviço evita desgaste com o fornecedor, que sabe que não se trata de uma ligação para venda, e otimiza o trabalho do orçamentista.

tec-03

Além disso, existe o Coteaqui Analytics, serviço de análise de dados de construtoras, materiais de construção e condições comerciais. Com este serviço os fornecedores de materiais conseguem analisar o mercado e o perfil de cada cliente melhorando sua abordagem e aumentando as vendas.

Para associações de construtoras a Coteaqui oferece a possibilidade de construir centrais de compras e negociações gerando melhores condições que fortalecem relações comerciais com fornecedores.

Conclusão

A tecnologia na construção civil proporciona inúmeros benefícios a todos os players do setor. Assim como em todos os aspectos da sociedade, a construção também está passando por uma transformação digital. Há iniciativas tecnológicas para as principais demandas de construtores, empreiteiros, incorporadores, compradores etc.

As construtechs desse ecossistema de inovação têm foco voltado para o desenvolvimento de soluções que proporcionem produtividade e ganho de eficiência para o setor.

Acesse agora uma demonstração em vídeo de como funciona o portal Coteaqui.

Quais temas você acha que devemos abordar nos próximos posts? Comenta aqui no post.

Facebook Comments